• Raí Filho

Configurado métricas do WSO2 Enterprise Integrator com Jaeger

Configurado métricas do WSO2 Integrator com EI Analytics Jaeger

Neste post vamos falar um pouco de Tracing com uma ferramenta extremamente popular no mercado: Jaeger. Veja os passos a seguir:

  1. Primeiramente é necessário a instalação do Jaeger em sua máquina correspondente ao seu sistema operacional:

2. Em seguida execute-o pelo CMD/terminal o arquivo jaeger-all-in-one.exe que irá rodar na porta padrão 16686.

Para que o Enterprise Intergrator possa se comunicar com Jaeger é preciso adicionar suas configurações do Analytics no arquivo carbon.xml encontrado no seguinte diretório: <EI_HOME>confcarbon.xml (EI_HOME: Onde está instalado seu EI)

Deixe Seu ServerURl como tcp://localhost:7612 E AuthServerURL como ssl://localhost:7712

Em seguida abra o arquivo synapse.properties encontrado em <EI_HOME>confcarbon.xml e adicione as informações do Jaeger por Default.

opentracing.enable=true
jaeger.sampler.manager.host=localhost
jaeger.sampler.manager.port=5778
jaeger.sender.agent.host=localhost
jaeger.sender.agent.port=6831
jaeger.reporter.log.spans=true
jaeger.reporter.max.queue.size=100
jaeger.reporter.flush.interval=10000 

Mude também as configurações dos Mediations encontrados no mesmo arquivo.

mediation.flow.statistics.tracer.collect.payloads=true
mediation.flow.statistics.tracer.collect.properties=true
mediation.flow.statistics.collect.all=true
mediation.flow.statistics.enable=true 

Feito isso agora basta executar os serviços encontrados no diretório <EI_HOME>bin e execute o analytics-worker:

No final deverá ver uma tela como essa:

Agora Execute o Enterprise Integrator (6.6.0):

Deverá aparecer o seguinte resultado:

Caso execute o Integrator antes do Analytics irá acontecer um erro de conexão já que ele não irá achar nada na porta 7712. Caso não aconteça nenhum erro de conexão então o Enterprise Integrator conseguiu se conectar com sucesso ao EI Analytics.

Para que suas APIs (Serviços HTTP) possam ser vistas pelo Jaeger é preciso ativar Enable Tracing e Enable Statistics, como na imagem abaixo:

Para finalizar e observar o tracing basta abrir o Jaeger no seu navegador http://localhost:16686. Ao executar qualquer requisição de APIs ou outro serviço do EI, os dados de tracing estarão disponíveis como na sequência de imagens abaixo:

A tela de Finding Traces, mostra todas as interações feitas com a sua API.

Tela de Finding Traces

Para visualizar os detalhes de um trace específico, basta clicá-lo e a seguinte página será mostrada.

Visualizando o EI Analytics Dashboard

O próprio Enterprise Integrator possui uma ferramenta padrão para a visualização dos analytics de uma API e qualquer outro serviço. Execute os comandos abaixo para visualizá-la:

Após a execução do comando, você deverá ver uma tela parecida com esta.

Para acessar a tela de login do dashboard, acesse no seu navegador o link mostrado na linha de comando: https://192.168.56.1:9643/portal. O login padrão é admin e a senha admin.

Como exemplo, usaremos uma API de Clientes, na tela abaixo é mostrado todas as requisições feitas na API que tiveram sucesso e as que falharam:

Nessa segunda tela, é mostrado dois gráficos: o primeiro indicando os sucessos e falhas na requisição, o segundo é mostrado a latência da API, ou seja, o tempo que ela demorou para responder a requisição.

Na parte inferior da página, é possível visualizar os messages id da API, bem como host e timestamp, podendo filtrá-las por data.

Ao clicar num MessageId, você poderá visualizar o diagrama que mostra o fluxo da resposta da requisição feita.

Caso queria exportar seus dados como PDF, basta clicar no menu inicial do EI Analytics e selecionar a opção “Generate Report”.

Autores

Neste post contribuiram:




Larissa Menezes é Formada em Análise e Desenvolvimento de Sistemas pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas – IFAM. É desenvolvedora na Skalena com expertise em desenvolvimento Full-Stack, Integrações e APIs.




Patrick Clarindo é Formado em Tecnologia da Informação pela Universidade Cidade de São Paulo. É desenvolvedor na Skalena com expertise em desenvolvimento de APIs com SpringBoot, Integrações e APIs.

#Monitoracao #tracing #WSO2

6 visualizações0 comentário